Progcast - Sua Dose Semanal de Rock Progressivo

Progcast #08 – Especial God Gave Rock & Roll For Us




Saudações Proggers!

Sejam bem vindos a mais uma edição da sua dose semanal de Rock Progressivo

O episódio desta semana é uma singela homenagem ao Dia 13 de Julho, Dia do ROCK N ROLL!!!!!!

Para celebrar este dia tão especial e de forma adiantada, fizemos uma coletânea diferente. Selecionamos apenas covers famosos (ou não) de músicas progressivas. Além disso contamos um pouco sobre como começamos a curtir rock, e também descobrimos como ofender um baixista sem que nem ele mesmo perceba. Além disso Convidamos você, ouvinte, a nos contar como começou a sua vida “roqueira” neste mundo!!!

Veja os clipes dessas músicas diretamente na nossa RÁDIO PROGRESSIVA!

Reproduzir

Comentários, sugestões, correções e contato: contato@progcast.com.br

Sigam-nos no Twitter @progcastbr

Curta a fanpage do Progcast no Facebook

ASSINE NOSSO FEED AGORA

Adicione o Progcast no seu msn! group1336447@groupsim.com

Rhamses

Palpiteiro de mídias sociais, Designer de interfaces, Podcaster e Microblogger. Apreciador de boa música, mas roqueiro acima de tudo.

4 respostas para “Progcast #08 – Especial God Gave Rock & Roll For Us”

  1. Andrew disse:

    Isso ae, viva o Rock & Roll!

    Cara, comecei a curtir rock da maneira mais bizarra o possível!
    Eu devia ter uns 11 ou 12 anos, nessa época eu só ouvia de vez em quando essas bandinhas pops brasileiras, até que um dia eu fui comprar uma camisa bem maneira pra mim, até que me deparo com uma que o desenho era o Eddie da capa "Killers" do Iron Maiden, e eu nem tinha ideia disso, gostei da camisa e comprei.
    Aí aconteceu de um dia um cara olhar pra minha camisa e dizer: É isso ae, garoto, já curtindo Iron Maiden, continua assim!
    Eu pensei, mas Q PORRA É ESSA? Até que um amigo meu confirmou que essa era uma camisa do Iron, fiquei curioso e fui atrás do som da banda. Aí não deu outra, virei fanático por Iron Maiden e Heavy Metal, aí só mais tarde descobri outros generos do rock.
    Hoje já nem ouço tanto o Heavy Metal mesmo. Tento variar bastante dos estilos do rock e até um pouco fora dele.

  2. Olá proggers!!! Viva o bom e velho rock & roll!
    Minha primeira experiência com o rock foi com um colega que me apresentou System of a Down e Slipknot, vejam só… Eu não gostei um pouco no começo mais fui me acostumando a gostar. Minha primeira experiencia com o prog foi quando assisti o DVD Scenes from New York, do Dream Theater. Viciei e não paro de ouvir até hoje.

    P.S.: Como assim Rroio, você não fuma maconha vencida??? Explique essa declaração para nós, ouvintes deste programa…

  3. Meu gosto musical era simplesmente ridículo. Na verdade nao tinha. Ouvia algumas músicas achadas por ai estilo Calice – Milton Nascimento. Até que, no aniversário, do amigo do Andrew e meu também, tocou a música The Legacy do Iron Maiden. Porra, eu cheguei a chorar naquela música. A partir dai comecei a me interessar mais neste incrível gênero musical. Um tempo depois o Andrew, me mostrou o Dream Theater. A partir dai comecei a descobrir o Pain of Salvation, Porcupine Tree e o , pra mim, mais foda de todos, Ayreon. Antigamente só escutava ''posers'', como forsaken, fear of the dark, mas depois larguei disso e comecei a baixar o álbum completo e escutar tudo. A musica que me lançou foi The Legacy do Iron, e o Álbum The human Equation, do Ayreon.

  4. Caio Nunes disse:

    Realmente quando criança, nunca me importei com musica, nem nada parecido, durante a 5° série, com meus 12 anos, comecei a me inteirar mais, com o intuito de socializar mais com meus colegas. Meus gostos estavam presos as modas da época, ouvia rap, sertanejo, pop, mas nada parecia fazer muito sentido para mim, até que um dia peguei um CD emprestado com um amigo, era uma coletânea, com varias musicas de pop e rock, dentre essa musicas havia uma que se destacou para mim, Blitzkrieg Bop dos RAMONES, aquela musica me causou uma sensação tão diferente, uma energia passou pelo meu corpo, foi algo incrível, a partir daquele momento comecei a pesquisar mais sobre rock and roll, descobri que chamavam aquele tipo de som de PUNK, o gatilho tinha sido disparado não houve mais volta para mim! Depois dos RAMONES, comecei a ouvir outros grupos, dentre eles uma banda que eu e um amigo escutávamos freneticamente – LIQUID TENSION EXPERIMENT, na época achávamos que era DREAM THEATER, mas logo depois descobrimos que não era, apenas mais um projeto dos membros do Dream. Assim começou a minha ventura no mundo do rock, nesse começo, passei boa parte do meu tempo ouvindo RAMONES, DREAM THEATER e LIQUID TENSION EXPERIMENT, uma ótima combinação (risos).Long Live rock And Roll !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *