Progcast - Sua Dose Semanal de Rock Progressivo

Progcast – #65 – The Final Experiment V: Como trair seu melhor amigo com a mulher dele


Progcast #65

Saudações Proggers!

Sejam bem vindos a mais uma edição da sua dose semanal de Rock Progressivo

Hoje, Rhamsés e  Rroio pegam o Chevette azul com o logo do Progcast no capô e caminham pelo aclamado e confuso álbum “The Human Equation“, do Ayreon, destrinchando e deturpando toda a belíssima história criada pelo holandês gigante Arjen Anthony Lucassen, através dos personagens Dejair, Tonhão e Putchénha. Além disso, veja a aplicação conceitual-psicológica da teoria do cagaço e ajudem-nos a compreender esse manual de como trair o seu melhor amigo com a mulher dele!

Comentado no episódio

Lançamentos dessa semana

  • Glass Hammer
    Álbum:
    “Cor Cordium” –Música: “Salvation Station”
  • Arena
    Álbum: “The Seventh Degree Of Separation – Música: “One Last Au Revoir

O que tocou neste episódio

  • “The Human Equation” – Disco 1 ;D
Play

Comentários, sugestões, correções e contato: contato@progcast.com.br

Sigam-nos no Twitter @progcastbr

Curta a fanpage do Progcast no Facebook

ASSINE NOSSO FEED AGORA

Adicione o Progcast no seu msn! group1336447@groupsim.com

Rroio

Viking oriental colecionador de discos, músico frustrado e um eterno incansável explorador dos mais obscuros confins do mundo da música.

9 respostas para “Progcast – #65 – The Final Experiment V: Como trair seu melhor amigo com a mulher dele”

  1. Minea Nunes disse:

    o/

    Nossa, tive que dar ganho de volume aqui pra ouvir direito. Meu fone deu adeus hoje com a audição do progcast. :/

    Oxe, minha câmera amadora filma com áudio muito bom e os celulares de hoje (iPhone é mais que isso) tão filmando absurdamente, daqui a pouco ninguém vai precisar dar desculpa por colocar clipe ruim no youtube. Espero.

    PROGFAVELA hahahaahahahaha bom demais, adoro esse perfis da depressão. #facepalm

    Terra Prima é daqui de Recife. ;D

    Ainda não ouvi esse do Glass Hammer… :/

    Opa, se lembra Marillion e Pendragon, então é pra mim! *_*

    Eu não lembro das letras do CD, vou ouvir novamente lendo as letras assim que terminar aqui, relembrar a gaia alheia. .-. Muita viagem! Esses apelidos aí… cels! Ayreon é legal mas confesso que não dei a devida atenção à maioria das músicas ainda.

    Progcast +18 (again).

    É verdadeeeeeeeeeeee, entrem no chat (onde a gente fala mais de outras coisas que prog)! HAHAHAHAHAHAHA

    o/ Eu fico felizes com todos online lá.

    ;*

  2. Danilo "Cureza& disse:

    To ressurgindo à vida aqui, tenho umas correções a fazer hehe

    Mas hoje to com sono e sem tempo pra variar, mas otimo cast por sinal.Infelizmente não pude participar, mas logo logo to de volta à ativa.

    Parabens pelo programa e vida longa ao Progcast!

    Abraços

  3. Danilo "Cureza& disse:

    Otimo cast mas aqui vai um breve comentário:

    Gostei das análises feitas sobre cada música.Mas tenho algumas opiniões distintas.Bom aqui vai o que eu interpretei:

    Vigil: É o melhor amigo e a mulher discutindo os possíveis motivos de algo que eles não compreendem.Já se percebe que existe um segredo:

    "Why are you so concerned?

    Do you really care

    Or do you feel responsible?

    Isolation: Essa musica representa confusão pra mim.Ele se ve consciente, porém não acordado, sem poder se mexer nem sentir seu corpo.E a música mostra como cada sentimento reage a esse fato.Por exemplo o medo diz que ele esta sozinho e ninguem se preocupa com ele,A razão faz com que ele questione os sentimentos e tente limpar a mente dos sentidos.O orgulho não o deixa se entregar, o amor diz para ouvir o coração e se acalmar.É caotico e ele não sabe onde esta e o que acontece.Isso é muito bem construido na estutura da música que se alterna entre periodos melodicos e pesados.

    Pain: A dor e agonia o fazem acreditar que não vai sobreviver.São muito fortes e presentes.No final o amor o da motivações pra continuar e superar a dor:

    "I can't accept this, we will find a way

    Out of this cesspool of doom and dismay

    Beyond this dejection there's beauty and grace

    A glorious future we long to embrace"

    Mystery: Aqui o melhor amigo e mulher discutem a condição do protagonista.Aqui fica claro que se trata de um acidente de carro, porem em condições muito estranhas, não entendem como aconteceu em plena luz do dia numa estrada vazia.E surge um misterio:

    "[Wife] Do you think he's seen it?

    [Best Friend] I don't think he did

    [Wife] Do you think he knows it?

    [Best Friend] I don't think he knows

    [Wife] Do you think he's been there?

    [Best Friend] I don't think he was"

    Sobre o que estariam falando? na verdade o titulo da musica se refere a esses dois misterios.O motivo do acidente e esse assunto não revelado entre amigo e esposa.

    Voices: Ele percebe que existem vozes falando sobre ele.Mas ele não consegue entender o que dizem, ainda esta distante da realidade.E a musica mostra como cada sentimento reage à essas vozes.

    Childhood: Nesse momento alguns traumas do passado surgem pra atormentar.Nesse caso o trauma de infancia envonvendo os pais.E o medo se mantem forte, mesmo depois de todo esse tempo, mostrando que ele nunca conseguiu superar seu pai, que abandonou a mãe.

    Hope: O melhor amigo começa a contar boas lembranças, tentando traze-lo de volta.E diz que ainda se tem muito pra viver.O protagonista tenta voltar,mas não consegue, algo o pucha pra baixo.

    School:O medo o faz confrontar antigos traumas.No caso da música, o que ele sofria na epoca de escola.Onde apanhava dos garotos mais velhos, e no fundo jurava que um dia iria revidar.Nessa música existe um diálogo interessante entre a razão e o orgulho.A primeira tentando fazer com que ele contorne a situação de uma maneira racional(ahh vá) e o segundo o dizendo para alimentar seu odio.

    Playground: musica de playground…velhas memorias, whatever.

    Memories: Os medios dizem que não existe nenhum problema físico aparente, porem ele continua em coma.O problema deve ser na sua cabeça, por isso o amigo e a mulher resolvem conversar com ele, contar boas memorias pra tentar traze-lo de volta.No final ele é tocado pelas lembranças, e sua paixão pela mulher da forças para ele.

    Bom, na proxima comento o segundo CD ;D

  4. J. Oliveira disse:

    Os dois casts sobre o Human Equation estão fora =S

    Já ouvi todos do Ayreon e já baixei mais alguns, continuem com o Trabalho foda xD

    • Rroio disse:

      Valeu pelo elogio, cara!

      Tivemos um problema quando o Mevio apagou a nossa conta e basicamente perdemos vários episódios. Estamos fazendo o upload deles aos poucos, e se tudo der certo, nesse feriado já colocamos todos de volta!

      Fique ligado no twitter do Progcast (@progcastbr) que avisaremos por lá também assim que estiver tudo certo!

      Abraço!

  5. wagner miranda disse:

    Bom vou postar aki

    tomara q alguem leia

    varios podcasts ainda estão fora do ar, alguns do ayreon o do blackfield e mais alguns

    voces pretendem reupar ?

    vlws

    • Rhamses disse:

      Oi Wagner.

      Então cara, nós reupamos todos os episódios que tinhamos em mãos. Infelizmente sofremos um crash no servidor há algum tempo atrás, enquanto os episódios estavam todos desajustados, que fez com que perdessemos alguns eps os quais não temos em nossas máquinas.

      Estamos atrás de backups antigos para tentar consertar isso da melhor maneira possivel.

      Um abraço e desculpa pela zona toda

  6. Gigante Gentil disse:

    Bom dia pessoal do ProgCast, aqui quem fala é o Gigante Gentil. Ouvi apenas o primeiro e o cast sobre GG. Apesar de discordar de algumas opiniões gostaria de agradece-los pelo espaço que estão disponibilizando para o movimento prog. Lembro da época em que vivia correndo em fóruns "especializados" em busca de informações e só encontrava richinhas e xitas. Mas uma vez, PARABÉNS.

    Sei que já se passaram 50 Cast e que o conhecimento da galera anda em alta, mesmo assim gostaria de indicar dois álbuns que gosto bastante.

    The Sun And The Embryo do Grandbell (banda gaúcha) e MARSBÉLI KRÓNIKÁK do Solaris para a galera que curte um space.

    • Rhamses disse:

      Grande Gigante!! seja bem vindo ao nosso humilde portal progressivo…..

      ahahah Agora que a solenidade acabou, agradeço as suas palavras cara. Esse aqui é um espaço aberto para se concordar e discordar de opiniões mesmo, então fique a vontade de manifestar a tua opinião pelos posts afora.

      Alias, valeu pelas indicações, eu ainda não conhecia essas bandas mas vou começar a ir atrás 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *