Progcast - Sua Dose Semanal de Rock Progressivo

Progcast #40 – Yes (Lado B): Retransmitindo da margem do oceano topográfico




Saudações Proggers!

Sejam bem vindos a mais uma edição da sua dose semanal de Rock Progressivo

Retomando a história sobre uma das maiores bandas do Rock Progressivo, chegamos ao ápice megalomaníaco do YES, desde o álbum “Close To The Edge”, afundando no “Tales From The Topographic Oceans” e voltando com tudo no “Relayer”. Nesse episódio, nada como ter o seu próprio super herói na banda, como ensinamentos hindus mudam tudo e qual seria a margem que a banda estava chegando???

Comentado no episódio

Lançamentos da semana

  • Uriah Heep
    Álbum
    : “Into The Wild” – Música: “Trail Of Diamonds”
  • Scar Symmetry
    Álbum: “The Unseen Empire” – Música: “Domination Agenda”

O que tocou no episódio

  • 00:00:20 – Siberian Khatr
  • 00:02:26 – The Remembering (High The Memory)
  • 00:14:50 – Trail Of Diamonds (Uriah Heep!)
  • 00:21:15 – Domination Agenda (Scar Symmetry)
  • 00:25:14 – Close To The Edge
  • 00:43:17 – Ritual (Nous Sommes Du Soleil)
  • 01:04:45 – Sound Chaser
Reproduzir
Reproduzir

Comentários, sugestões, correções e contato: contato@progcast.com.br

Sigam-nos no Twitter @progcastbr

Curta a fanpage do Progcast no Facebook

ASSINE NOSSO FEED AGORA

Adicione o Progcast no seu msn! group1336447@groupsim.com

Rroio

Viking oriental colecionador de discos, músico frustrado e um eterno incansável explorador dos mais obscuros confins do mundo da música.

3 respostas para “Progcast #40 – Yes (Lado B): Retransmitindo da margem do oceano topográfico”

  1. Andrew disse:

    Foi muito foda gravar esse episódio, ficou muito bom!
    E eu ouvi o Parangolangra aí hein! aushaushassa

  2. Tiago Gonçalv disse:

    Aê galera do Progcast! Que a cada post aumenta o número de colaboradores! Muito interessante o post do YES, um dos pais do progressivo e referência para muitas bandas novas do cenário prog.

    Gostaria que vocês comentassem o novo single lançado pelo Symphony X "End of Innocence e Dehumanized", faixas essas que estarão no novo (e tardio) cd Iconoclast. Aproveitando já que vocês fizeram um especial sobre a banda. E se não for muito incômodo queria as impressões de Rhasés e Rroio sobre essas músicas.

    Valeu e saudações proggers à todos!

  3. Diogo Salles disse:

    Olá proggers,

    Eu, como grande fã do Yes, reconheço que a fase aúrea da banda é o "Fragile" e "Close to the Edge", mas acho que no "Topographic Oceans" eles extrapolaram a fórmula (no mau sentido). Não acho que seja um grande álbum. Acho que no "Relayer" eles equilibraram melhor o repertório e ficou mais próximo de um Mahavishnu Orchestra.

    Mas acho que, no geral, o trabalho do Trevor Rabin de ressurreição da banda nos anos 80 é subestimado pelos fãs.

    Boa discussão e ótimas histórias!

    Abraços

    Diogo

    TUNGCAST

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *