Progcast - Sua Dose Semanal de Rock Progressivo

Raedon Kong – “Raedon Kong EP”


Projeto formado em 2009 pelo guitarrista Stephen Sheppert e pelo baterista David Leonard, quando ambos buscavam uma sonoridade diferente de suas bandas originais (Collapsar, Hooves, Icepick). O seu disco de estreia We Are The Worms, lançado em 2011 de forma independete, já apresentava as principais características da sua proposta: mesclando as camadas arrastadas e distorcidas do post metal e sludge com técnicas tipicamente dos anos 70.

RaedonKong

Raedon Kong, o EP lançado em janeiro de 2013, que leva o nome da banda, foi produzido pelo renomado produtor Ivan Klisanin e contém quatro faixas que além de apresentarem muito bem a sonoridade da dupla, elevam ainda mais o que já fizeram.

Heavy Lite abre o disco e se mostra como uma excelente apresentação à proposta musical da banda: sludge calcado nas melodias dissonantes típicas do Mastodon e um primoroso trabalho de percussão que remete diretamente a fase Michael Giles no King Crimson (os dois clássicos primeiros álbuns). E a influência do grupo de Robert Fripp não para por aí, já que o estilo vocal também remete por várias vezes ao praticado pelo rei rubro durante os áureos anos 70, indo do semi sussurro ao berro ensandecido e distorcido, passando pelos trejeitos graves do sludge. Essas características se tornam ainda mais evidentes na segunda faixa, End Of Days, que traz uma estrutura um pouco mais acessível, esbarrando de forma leve no doom metal com tendências psicodélicas.

Mais referências ao rock progressivo setentista voltam a surgir na excelente introdução de Forgotten Son, aonde o mais interessante é como ela evolui quase que imperceptivelmente para a atmosfera mais pesada e arrastada, oscilando entre heavy e post metal ao longo dos oito minutos com inúmeras mudanças de direcionamento. Essa estrutura praticamente se repete na semi instrumental Ash Is The Omen, aonde eles agregam vários elementos de post rock ao doom, com resultados que chegam a lembrar (um tanto quanto de longe) Isis e Neurosis.

Apesar de ser apenas um EP, é um interessante registro que mostra como o Raedon Kong desenvolveu a sua música a bons níveis em tão pouco tempo depois do lançamento do debut, apresentando novas ideias para engrandecer ainda mais a sua identidade. Evidentemente, é natural que eles ainda estejam bastante presos às fórmulas apresentadas pelos grandes nomes do post metal, sludge e atmospheric doom. Porém, não há nenhum problema nisso.

RaedonKong

Raedon Kong EP Raedon Kong

1234

Tracklist

Stephen Sheppert - vocal / guitarra
David Leonard - vocal / bateria

Lineup

01. Heavy Lite
02. End Of Days
03. Forgotten Son
04. Ash Is The Omen
Rroio

Viking oriental colecionador de discos, músico frustrado e um eterno incansável explorador dos mais obscuros confins do mundo da música.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *